Rota do BLUES Festival + Gaitas de Minas

0

ROTA DO BLUES FESTIVAL + GAITAS DE MINAS

LITTLE JOE MCLERRAN & FLÁVIO GUIMARÃES
Piedmont Blues é uma confluência de dois dos estilos primordiais da música negra norte-americana: o country blues e o ragtime jazz. A paixão comum por esse estilo musical juntou dois artistas, um norte americano e um brasileiro, num inusitado encontro musical.
Little Joe MCLerran é um especialista no estilo Piedmont de guitarra, onde os acompanhamentos e contrapontos se aproximam do jazz tradicional dos anos 20 e 30. O cantor e guitarrista é um prodígio que toca profissionalmente desde os 9 anos de idade, dominando diversos idiomas musicais e sendo um especialista nos estilos de Blind Willie McTell e Reverendo Gary Davis. Sua guitarra soa como se fosse dois ou três guitarristas tocando simultaneamente.
Em 2010, MCLerran viajou ao Oriente Médio no projeto “The Rhythm Road: American Music Abroad “. O projeto “The Rhythm Road” é um missão cultural diplomática promovida pelo Departmento de Estado dos Estados Unidos e a Fundação Jazz at the Lincoln Center com o objetivo de divulgar a música norte-americana a pontos mais remotos do planeta.

Flávio Guimarães é gaitista, cantor e um dos pioneiros do blues no Brasil. Realizou shows de abertura para B. B. King, Ben Harper e Robert Cray, além de compartilhar o palco com algumas lendas vivas do blues, como Buddy Guy, Charlie Musselwhite e Taj Mahal. Fundador e integrante da banda Blues Etílicos, Flávio tem uma consolidada carreira individual paralela a banda, tendo gravado e tocado com importantes nomes da música brasileira.
Little Joe e Flávio reuniram-se para gravar juntos seu primeiro EP, com lançamento em Agosto de 2018.
Assista aqui o vídeo de apresentação de Little Joe McLeeran, narrado por Dan Aykroyd, prestigiado ator e protagonista do clássico filme Blues Brothers.
https://www.youtube.com/watch?v=b5aE42_iAWE

ROTA DO BLUES
O Rota do Blues é idealizado pelo músico, guitarrista e produtor cultural Bruno Marques, um dos grandes nomes de incentivadores da cena do Blues em Belo Horizonte e MG. O projeto teve início em 2014 e devido ao sucesso e programação com grandes nomes internacionais e nacionais do gênero, hoje é um dos projetos de Blues mais conceituados do estado. Fomentar, incentivar e disseminar o gênero Blues em Minas Gerais com o intercâmbio cultural dos genuínos artistas de blues americanos e de diversos países. Ampliar a rota de circulação dos artistas internacionais com músicos da cena brasileira é um dos objetivos do Rota do Blues.

GAITAS DE MINAS

O “GAITAS DE MINAS – ENCONTRO INTERNACIONAL DE HARMÔNICAS” é um projeto inovador no Brasil inspirado no tradicional encontro Californiano “Harmônica blow-out”, criado por Mark Hummel. O projeto visa oferecer dias dedicados a Harmônica, com workshops e shows com vários gaitistas no palco.

Em um curto espaço de tempo, o projeto já fez eventos com grandes gaitistas nacionais e internacionais, dentre eles se destacam o grande Pablo Basso (Argentina), Bruno Castro, Samir Chammas, Osmar Souza, Leandro Ferrari e Eduardo Sanna de Minas Gerais, temos Marcio Halksick, Renan Amadei, Klaus Sampaio, e muitos outros convidados. O projeto recentemente foi incluído no LINE-UP de grandes festivais, dentre eles o “FESTIVAL INTERNACIONAL DIPANAS BLUES”, o maior festival de blues do Centro-oeste Mineiro.

SÉRGIO DUARTE (SP)

Com 20 anos de carreira, dois CDS e o terceiro em fase de produção, Sérgio Duarte é considerado um dos pioneiros e mais importantes gaitistas do Brasil. Tem influenciado as novas gerações de gaitistas e seu trabalho é elogiado por figuras referenciais do blues mundial, como James Cotton, Sugar Blue e Mark Hummel e o lendário guitarrista Buddy Guy, para quem já abriu shows.

Mas a estrada até aqui foi longa e diversificada. Sérgio Duarte começou na música aos 12 anos, tocando violão por influência de bandas de rock como Led Zeppelin e Rolling Stones.

Quando passou a se apresentar com grupos em São Paulo, optou pelo contrabaixo. No entanto, numa viagem ao interior de Minas Gerais, teve um encontro inusitado – e ponha inusitado nisso: ouviu o som de gaita vindo de uma caverna. Até hoje se pergunta quem era a aquele desconhecido que tocava o pequeno instrumento. Mas isso já não importa muito. Tão logo voltou para São Paulo. Tratou logo de comprar uma gaita blues. E nunca mais se separou dela.

Com o cantor Nasi, integra a banda “Nasi e os Irmãos do Blues” e até hoje, Sérgio Duarte participa dos projetos paralelos do vocalista do Ira!. Além sido, tem em seu currículo importantes festivais, como o de Rio das Ostras (RJ), Guaramiranga (CE), Natu Blues (SP), Sesc in Blues (SP) e Brasília (DF), entre outros. E ainda organiza o evento anual Harmônica & Blues Projeto Brasil, que reúne músicos do País inteiro em uma grande convenção naciona, com workshops e shows.

Atualmente, Sérgio Duarte está entre os grupos “Sérgio Duarte Blues Band, “Nasi e os Irmãos do Blues” e “Sotaque Blues”.

Exposição: Um olhar sobre a música por Marcos Kaoy
Desde 2012, quando foi convidado para o Festival Internacional Sesc/RJ – Blues e Jazz, onde teve a ideia de montar um cenário adotando o juke joint para a sua exposição, Kaoy nunca mais parou, e de onde destacamos:
Juke Joint montando na gravação do Horizonte Blues. 2016, Cenário para gravação do DVD Agudergang Blues Session, 2017, Cenários do Projeto Blues Verão. Barracão Antiguidades e Arte, desde 2015, Rota do Blues nas edições com Birdlegg Harmonica Hinds, Maurice John Vaughn e Terry Harmonica Bean. Além dos recentes eventos como o 10 Street Blues Festival e o Cold Hot.
“Um olhar sobre a música” é o misto de telas com fotografias de gaitistas e guitarristas conhecidos como Little Walter e BB King e paisagens que remontam ao tempo antigo da Lousiana, nos EUA. Outras peças que também irão compor essa exposição fazem parte do acervo de suas obras que estão no Ateliê-Loja onde o artista possui e vive.
A técnica adotada em suas obras é um misto de pintura acrílica e colagens que preenchem objetos inservíveis como teclas de piano, carcaças de violão, telas, discos de vinil, pedaços de madeira, ferro velho, revelando um repertório bastante contemporâneo nas artes plásticas.

Daniel Seabra

Jornalista e DJ. Com foco no Rock clássico, Blues, anos 80 e MPB, também é produtor e apresentador do programa Rock Master (rockmaster.com.br). Já esteve na sonorização de grandes eventos em Belo Horizonte, como FICC (Festival Internacional de Cerveja e Cultura), desde a primeira edição, Churrascada do Porcão (todas as edições), Cold/Hot, na Cervejaria Sátira (também em todas as edições), Street Blues Festival, entre outros. Além disso, já foi responsável pela parte musical em grandes casas de shows da capital, como Music Hall, Mister Rock e Stonehenge, e ainda em várias festas particulares.
Como jornalista, é subeditor de Esportes do site Superesportes, do Jornal Estado de Minas, e comentarista da TV Alterosa (Programa Bola na Área) e da Rádio Ita FM (Líder de audiência em Itapecerica, Divinópolis e região).

Serviço:

Rota do Blues Festival + Gaitas de Minas

Line Up: Flávio Guimarães (RJ) & Little Joe McLerran (USA), Sérgio Duarte (SP) + Eduardo Sanna, Bruno Castro e Pablo Basso (ARG)
Exposição: Marcos Kaoy
DJ Daniel Seabra

Local: Underground Black Pub
Endereço: Av. Itaú, 540 – Dom Cabral (atrás da PUC do Coração Eucarístico) – BH/MG
Informações e reservas: (31)3375-7735 / (31)98851-8153 / (31) 98675-9482

Ingressos promocionais antecipados (R$10,00):
Sympla: https://bit.ly/2RwqMzp

Evento Facebook:
https://www.facebook.com/events/2510429208997733/

Compartilhar.

Sobre o Autor